sexta-feira, junho 01, 2007

Dia Mundial da Criança

O desaparecimento de Maddie e o mediatismo que esta tragédia assumiu nos media fez-nos relembrar os dramas de muitas familias que ainda hoje não sabem o que aconteceu aos seus filhos.
Estes são casos em que a esperança é uma espada de duas pontas que faz parar vidas, que não deixa avançar, porque por mais dura que seja a realidade não se vive enquanto não se souber o que aconteceu.
Hoje penso muito nestas crianças e em muitas outras que sofrem atrocidades numa vida sem esperança, sem conhecerem um carinho, um afecto.
Por outro lado não posso deixar de pensar também em nós, na nossa filhota. E hoje estou farta de sorrir porque decidi passar o dia com ela (mesmo a trabalhar ;) e ainda não me arrependi. Héé Héé
Momentos nossos:
acordarmos as duas mais cedo e com vontade de brincar.
As duas enfiadas na camita dela a brincar às bonecas.
A duas a tomar banho juntas e a pintar a banheira toda com os lápis da Imaginarium.
Ela a correr e eu a apanhá-la e a levá-la ao ar. O riso dela. Ela a tropeçar e a cair com tanta borga. A voltar para trás e a fazer nova investida.
Ela a ajudar-me (cheia de cuidado) a arrumar umas coisas por aqui. Também desarrumou outras tantas mas hoje está perdoada ;)
Ela a pedir um beijinho depois de um dói, dói e a bater no armário e a chamá-lo de mau. (lembrei-me de ti Amélia ;)
Ela a dizer: minha mamã, mamã é minha :)))) com aquela entoação deliciosa.

4 comentários:

mãe babada disse...

Um dia perfeito, portanto :)

Carla disse...

Um Dia Feliz!!!
Bjocas

Carlinha disse...

Assim pudesse ser todos os dias

Amélia do Benjamim disse...

Lool
Por aqui ainda se mantêem as fúrias de bater no que lhe bateu: o armário, a porta! LOOol
Com tantos beijinhos milagrosos
viramos uma Santas! Hehe.
:)