quarta-feira, agosto 03, 2005

Combinações

Antes de mais obrigada a todas pelas vossas mensagens. É muito bom receber este carinho. E acho que a Ana tem razão, a Inês tem expressões minhas. Claro que em questões de peso ela é bem menos abonada que eu. Era cada regueifa naquelas pernas que nem sei como é que a minha mãe andava comigo ao colo.
Por falar nisso, ontem a minha dieta perdeu pontos. Mas bolas... também temos de relaxar um bocadinho. E hoje é um novo dia.

Mas adiante que o quero contar diz respeito a combinações, tratos entre pai e filha. Coisas deles.

O pai Duda combinou com a filhota Inês que ela nunca faria cócó quando fosse ele a mudar a fralda. Não sei de que forma ele o fez mas ela obedeceu e até hoje nunca tinha acontecido. Chega ao ponto de ela passar um dia inteirinho com ele e só quando chega à minha beira é que começa a fazer aquela cara que nós conhecemos. O cheirinho que se lhe segue não deixa margem para dúvidas. Nessa altura o paizão sai de fininho com aquele sorriso na cara. YES!!! Já me safei.

Hoje chego à beira dele e ouço com enorme satisfação e orgulho: "Limpei pela 1ª vez o "dito cujo" da tua filha".
Confesso que fiquei preocupada. A caixinha que anda no saco dela só tinha um dodot e a embalagem nova que tinha comprado estava num saco à parte e ele não sabia.
"E como é que a limpaste?"
"Pois... só tinhas um dodot."
"Sim eu sei, por isso é que estou a perguntar"


A Inês assistia a esta conversa super interessante. Eu olhava para ela e imaginava o rabinho dela meio sujinho.

"Olha para a larada que a tua filha fez. Deu-me uma trabalheira..."

Sim... ele guardou a fralda como troféu.

Quando olho dei uma valente gargalhada. Parecíamos 3 tolos a rir. A sério... apanhou-me de tal maneira de surpresa que tive um ataque de riso enquanto fingia que lhe batia.
A fralda tinha 2 bolinhas iguais a 2 berlindes.
Diz ele:
"Ela estava a puxar, eu disse-lhe para parar e ela parou" Héé Héé
Este "gajo" só inventa.
Bem sei que este post é um bocado idiota mas dá-me vontade de rir imaginar a minha cara quando vi aqueles 2 presentinhos, tão minusculos, tão durinhos que até rebolavam.

Claro que antes de irem embora ela fez uma a sério e essa sobrou mesmo para mim
.
Desculpem lá o mau cheiro da conversa.

8 comentários:

Mãezite disse...

ehehehehe... fartei-me de rir!!

Clara Sonhadora disse...

isto promete, eheheheh!

Ana Santos disse...

gostei de ler o teu post.
mais tarde quando a patareca ler este episodio vai se rir.
beijinhos,
ana e tesourinho

Fitinha Azul disse...

ahahahahahhah sem comentários!
Beijocas

Rita disse...

Grande presente te saiu. ihihih

Beijinhos

Rita e Vasquinho

blogdabenedita disse...

Muito engraçado; não consegui controlar o meu riso; é que teve mesmo de ser:parabéns ao pai pelo seu "graaaande troféu"
Beijinhos

AnaBond disse...

AHAHAHHAHAHAH
ke máááxiiiimo.

sabes o que tens a fazer a partir de agora? é deixares SEMPRE a fralda ao cuidado do pai.... ahahhhah

:)))

Mamuska disse...

Tive que me rir com este post...O pai é um grande sortudo, essa é que é essa!!!!lol
Beijinhos
Catarina